A origem de tráfego por buscadores ou busca orgânica, tende a ser a principal fonte de visitas, especialmente para negócios com baixos investimentos em mídias. Além disso, de forma geral, as visitas oriundas de pesquisas em buscadores consistem na fonte de tráfego mais estratégicas para o negócio do canal ecommerce (1) porque consiste em visitas de possíveis novos clientes e (2) são transações com margem cheias. 

É comum o mercado tratar essa origem de tráfego como SEO, que significa Search Engine Optimization (Otimização para mecanismos de busca). Para real efetividade das ações destinadas ao incremento de visitas por essa origem de tráfego, dividimos em dois tipos de ação:

Otimização para Buscadores

Entram aqui uma lista de boas práticas e ações de verificação orientadas para garantir que o canal ecommerce encontra-se em conformidade com as especificações orientadas pelos buscadores para garantir a melhor indexação e ranqueamento nas buscas.
De forma geral, a energia destinada para estas ações está associada a revisar uma lista de orientações e garantir que as mesmas permaneçam funcionais. Alguns cenários podem demandar revisões nessas verificações (1) qualquer alteração de Interface e (2) revisões nos algoritmos dos buscadores.

Veja aqui uma lista de verificações.

Campanhas de Otimização para Buscadores

Consiste em ações destinadas para aumentar o fluxo de visitas através do melhor ranqueamento de termos de busca específicos. Estas ações tendem a consumir mais energia devido a geração de conteúdos e acompanhamento dos resultados.
Sendo assim, sugere-se que aqui sejam selecionados termos de busca bastante estratégicos e com baixa concorrência para que possam acompanhar os retornos.

Encontrou sua resposta?